quinta-feira, agosto 10, 2006


Looney Tunes - De Volta à Ação, de Joe Dante ****

Vendo um filme como esse a gente fica sem entender como podemos ficar tanto tempo sem notícias de um diretor tão brilhante quanto Joe Dante. "Looney Tunes - De Volta à Ação" é tão bom quanto qualquer uma das principais obras de Dante dos anos 80 como "Viagem Insólita" e "Gritos de Horror". A interação entre animação e "live action" tem uma fluidez impressionante, lembrando muito "Uma Cilada Para Roger Rabbit" e ficando bem distante do insosso "Space Jam". De se destacar ainda o ritmo insano do filme, resgatando com perfeição o clima dos desenhos originais clássicos do Pernalonga e Patolino. Até os atores parecem ter uma caracterização cartunesca.

4 comentários:

Cesar Fernando de Oliveira disse...

Curti o título do blog, com certeza não é só contigo q acontece isso!

El Thomazzo disse...

Esse filme fracassou (injustamente) na bilheteria por ser um desenho 'adulto' demais... quantas crianças entenderam, por exemplo, a piada de Roger Corman (com Stephane Beachman, que foi chefe de Dante e Alan Arkush no departamento de trailers, de assistente) dirigindo Batman? Nós entendemos, nós rimos quando ele reune monstros de filmes de ficção dos anos 50, inclusive o Ro-Man de Robot Monster... em resumo, o cara fez a 'bobagem' de fazer um filme inteligente e cheio de referências legais, quando o que faz sucesso hoje são piadas com flatulências e referências a reality shows.

André Kleinert disse...

O que me deixa puto é que um filme como esse que é puro cinema é menosprezado estupidamente por cabeças ditas pensantes que preferem filmes medíocres como "Crash" ou "Zuzu Angel" com a desculpa cretina de que esses são filmes edificantes ou que tratam de coisas sérias.

El Thomazzo disse...

Até aonde eu me lembre, cinema pode servir para a gente se divertir. Quem gosta de mensagens política pode ficar vendo o jornal. Um colega da fundação me disse que Zuzu Angel é uma bosta, mas tem uma mensagem bonita... puta que o pariu, então pára de fazer cinema e vai fazer documentário ou jornalismo econômico!!!!